Roubaram aparelhos de doação de sangue em Viana do Castelo

A Associação de Dadores de Sangue de Areosa, em Viana do Castelo, ficou sem nove aparelhos de medição, entre outro material, num assalto que provocou um prejuízo de 2300 euros.

“Estamos a falar de três aparelhos de medição de glicemia, três de colesterol e outros três de tensão arterial, alguns dos quais custaram 350 euros. Para quem os levou, não servem para nada porque não sabem trabalhar com eles”, explicou, esta quinta-feira, à agência Lusa, Rui Mesquita.

Segundo o responsável por aquela associação, este assalto terá acontecido “algures” durante a tarde de quarta-feira, através do arrombamento da porta, e foi entretanto comunicado à PSP de Viana do Castelo.

Além dos nove aparelhos de medição, os assaltantes levaram um computador e uma pequena quantia em dinheiro, num prejuízo superior a 2.300 euros, em que ainda não estão contabilizados os danos na porta e no interior da sede da associação.

“Tão cedo não vamos poder voltar a prestar este apoio à população, sobretudo aos mais idosos, porque não temos dinheiro para comprar novos aparelhos. Mensalmente, eram cerca de 80 pessoas que se deslocavam às nossas instalações para controlarem os parâmetros de saúde”, acrescentou Rui Mesquita.

Além desse apoio, prestado todos os domingos na instituição, os equipamentos furtados eram utilizados em várias ações de rastreio realizadas pela Associação de Dadores de Sangue de Areosa ao longo do ano no concelho de Viana do Castelo.

 In:www.jn.pt