PSP deteve dois homens que roubavam carros por todo o país

Dois homens com 38 e 53 anos de idade foram detidos na quarta-feira por pertencerem a um grupo organizado que roubava automóveis por todo país. Depois de alterados, os carros eram vendidos em stands, segundo a PSP.

Os indivíduos, detidos pelo comando metropolitano de Lisboa da PSP no concelho de Tomar, pertenciam a uma grupo que roubava viaturas e que depois as colocavam a circular no mercado nacional. Um deles era o proprietário de uma oficina na zona de Tomar que era usada como local para depósito das viaturas furtadas, informa a PSP, em comunicado divulgado hoje. Seria nessa mesma oficina que a identificação dos carros era alterada.

O grupo roubava os carros “através do recurso a chaves falsas e da alteração de alguns mecanismos das viaturas, essencialmente de marcas francesas”, acrescenta a PSP.

Nesta quinta-feira, e depois de quatro meses de investigação, a operação “Recorte” efectuou três buscas na zona de Tomar e apreendeu armas, munições de vários calibres, 13 viaturas – uma furtada e as restantes com indícios de estarem alteradas –, vários componentes pertencentes a quatro viaturas furtadas e material usado para os roubos.

Os dois homens que, segundo a PSP, “já possuem antecedentes pelo cometimento de vários crimes desta natureza”, foram presentes a primeiro interrogatório não judicial e ficaram sujeitos a termo de identidade e residência.

In:www.publico.pt

Os detidos alteravam os automóveis para depois os colocar à venda em stands